Aérea afirmou que tomou as medidas judiciais cabíveis para reverter a decisão e que segue operando normalmente.