Associação emitiu comunicado oficial menos de 24 horas depois da votação da Medida Provisória 863/18 pela Câmara dos Deputados