A Latam apresentou à Justiça objeção ao plano de recuperação judicial da Avianca Brasil, questionando sua viabilidade